Até as princesas pagam suas contas

Padrão

Comprar o que se gosta é legal… quando se pode, né? Agora, quando se passa a consumir descontroladamente, adquirir bens desnecessários e a estourar a conta bancária e o cartão de crédito, tá na hora de rever essa atitude.

O Discovery Home & Health ajuda as pessoas que estão vivendo situações como essa – sejam elas ou pessoas próximas – com um programa bem interessante chamado Garotas Mimadas (Princess), sob o comando da escritora e economista Gail Vaz-Oxlade. Suas técnicas são radicais com o intuito de cortar o mal pela raiz e trazer a razão a uma pessoa dominada pela emoção, como fazer refletir seu futuro e as consequências de seus atos.

Gail Vaz-Oxlade

A primeira providência é acabar com o cartão de crédito. Durante 30 dias a pessoa só poderá pagar com dinheiro e viver com um valor pré-estabelecido.

Em seguida, ela mostra o rombo financeiro e impõe metas para quitas as dívidas. É o momento que o/a gastador/a se confronta com seus (maus) hábitos de consumo. Para que tudo fique claro, a pessoa preenche uma planilha de gastos, detectando a sangria financeira. Em seguida, acrescenta ações para reverter o quadro. Se fizer a lição bonitinha, a apresentadora dá um bônus do valor de 5 mil dólares para ajudar a quitas as dívidas.

Ao assumir o COMPROMISSO e ao aceitar as REGRAS, a pessoa é capaz de torna-se uma pessoa responsável e adulta. Dar conta de si mesma gera uma grande satisfação e segurança, tirando-a de uma falsa área de conforto. Assim como não podemos garantir que alguém fica conosco para sempre, também não podemos contar com o baú alheio.

No último programa que assisti, ela ajudou Julie, 40 anos, a pôr ordem na sua vida em 6 semanas. Mesmo trabalhando e ganhando cerca de U$ 3 mil por mês, devia quase U$ 20 mil em cartão e financeira, era sustentada pelo pai que vivia injetando grana na sua conta, morava num apartamento alugado e sem nenhum plano previdenciário. Nada disso abalava seu consumo voraz e irracional. Só de maquiagem, roupa e cabelo ela gastava mais de 3 mil por mês. Para manter seu padrão, ela precisaria ganhar U$ 4,5 mil mensal. Pobre princesa falida…

Julie com seu pai e a economista.

Mas Gail Vaz-Oxlade dá 10 dicas para sair do vermelho para todos nós! Vejamos:

  1. Corte o cartão de crédito e defina um orçamento;
  2. Reduza as taxas de juros. Renegocie suas dívidas;
  3. Crie uma fonte de dinheiro extra;
  4. Estabeleça prioridades. Tenha metas e foque nos seus objetivos;
  5. Quite as dívidas. Tenha um plano (por escrito) e cumpra fielmente;
  6. Mantenha as coisas em perspectiva. Não deixe as dívidas retornarem;
  7. Sair da dívida não significa que você nunca mais irá gastar. Então, esteja sempre atenta aos gastos;
  8. Pare de comer fora de casa. Restaurantes consomem uma boa parcela dos seus ganhos;
  9. Organize-se! Para facilitar sua vida use fichários e/ou pastas de arquivos;
  10.  Esteja disposto a avaliar a importância de objetos às suas contas. Veja se eles de fato são necessários. Exemplo: você realmente precisa de dois carros?

Se você se animou, seguem algumas sugestões bacanas para dar os primeiros passos:

  • Cristiane Lazotti, autora do livro “O que há na bolsa da mulher inteligente: guia prático de finanças pessoas”, editora Matrix, disponibiliza gratuitamente de uma planilha básica. Basta solicitar pelo seu email.
  • A consultora financeira Elaine Toledo, autora do livro Saiba mais para gastar menos – trabalhando sua inteligência financeira, editora Alaúde, oferece uma planilha gratuita no seu site.
  • O site da FEBRABAN também dá uma ajudinha. No seu site há um Simulador de Sonhos (dentro do item Ferramentas) para ensiná-lo a calcular quanto tempo e dinheiro serão necessários para realizar os seus desejos.
  • Robin Taub, consultora, financeira, tem um site bem didático e útil.

Mas, de tudo isso – programas de televisão, consultores e sites – aprendemos que somente com OBJETIVOS CLAROS podemos cuidar das nossas finanças e realizar “sonhos”.

Um ótimo sábado para todos!

Fontes:
Till Debt Do U$ Part
Mental Blox

Informações:
Programa Garotas Mimadas, no Discovery Home & Health, sábado, 19 horas.

»

  1. É Mara, eu tô numa fase horrível dessas, cheguei ao ponto de pedir ao meu marido para esconder meus cartões de crédito. Eu assisto sempre o Programa Meninas Mimadas para ver se aprendo um pouco com a Gail. Admiro demais o jeito dela e as mulheres que trabalham com finanças. Sou fã de todas essas mulheres fantásticas. Seu blog foi de grande ajuda, tenho certeza que chego lá.

    Queria aquela planilha que Gail entrega para as meninas mimadas colocarem suas despesas e economias. Quero salientar que não fui assim a vida toda, é só uma fase ruim.

    • Oi, Michele!
      Acho que vc já está no caminho certo, né? Olha, eu vou tentar obter essa planilha e publico no blog. Assim como vc, outras pessoas o solicitaram pelo facebook.
      Boa sorte na sua jornada!
      beijos,
      Mara

  2. Oi,
    Adorei o post das meninas mimadas,adoro o programa e o seu blog.Posso te fazer uma perguntinha?
    Você sabe o nome da música que toca quando Meninas Mimadas acaba?
    Bjs,estou aguardando a sua resposta.

  3. Queria as porcentagens de divisão das finanças que ela mostra, onde ela sugere quanto devemos gastar com cada item dos gastos. Você tem?

  4. Oi Mara.
    Muito legal a sua dica.
    Eu assisto sempre o programa e gosto bastante do choque de realidade.
    Não tenho mais o perfil de gastar por compulsão, porém, é bom receber as sugestões que ela dá e também sempre verificar se realmente estou progredindo.
    O programa me ensina a ser mais realista e pensar na minha velhice.
    Denise

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s