A beleza da maternidade depois dos 40

Padrão

A matéria de hoje mostra belas mulheres, de diferentes profissões e nacionalidades, que enfrentaram gestações tardias. Marinheiras de primeira viagem ou não, todas elas estampam a alegria de driblar o relógio biológico. Algumas tiverem que recorrer à ciência, outras, a natureza deu conta do recado sozinha.

Nossa seleção priorizou as mulheres acima dos 40 anos. Mostramos como se vestiam durante as gestações e depois, com seus bebês nas mãos. Bom, em alguns casos, não tão pequenos. São 18 mulheres inspiradoras que enfrentaram medos e preconceitos para realizarem o sonho da maternidade.

A atriz italiana Monica Bellucci acredita que a genética pode tê-la ajudado, pois sua avó paterna teve um bebê aos 47 anos. Mas também acha que teve uma grande dose de sorte, pois não foi preciso nenhum tratamento de fertilidade. Ela foi mãe beirando os 46 anos.

A ruivinha mais linda do cinema, Julianne Moore, teve sua filha Liv aos 42 anos de idade, em 2006. A garotinha é uma fotocópia da mãe!

A atriz Geena Davis teve seus filhos com 46 e 48 anos. Na última gestação nasceram os gêmeos Kian e Kaiis. O médico Fady Sharara, especialista em infertilidade, disse em uma entrevista que a última gestação da atriz só ocorreu devido à doação de óvulos.

A atriz de Desperate Housewives, Marcia Cross, está com 50 anos. Há cinco anos teve as gêmeas Eden e Savannah, graças a um tratamento de fertilização in vitro.

Halle Berry foi mãe aos 41 anos. Até aí, tudo bem, mas ela era/é diabética, o que exigiu atenção especial. Disciplinada, levou a gravidez numa boa, engordou pouco e voltou rapidinho a seu escultural corpinho.

Susan Sarandon tornou-se mãe pela terceira vez aos 45 anos, em 1984. Já tentava há algum tempo, sem sucesso, devido à endometriose que a penalizava severamente. Seu então marido, Franco Amourri, vendo-a sofrer, a levou para a Itália. Lá, relaxada e feliz, engravidou.

A talentosa atriz britânica, Emma Thompson, decidiu manter sua gravidez em sigilo, após sofrer um aborto espontâneo em 1997 e várias tentativas de engravidar, sem sucesso. Aos 41 anos, pouco antes de ter o bebê, veio a público com um barrigão, cabelo curtíssimo e um lindo e confiante sorriso. A bela Gaia, hoje com 13 anos, veio ao mundo graças ao tratamento de fertilização in vitro. Vitória!

A cantora Mariah Carey deu à luz aos 42 anos, depois de enfrentar um aborto, dificuldades para engravidar e tratamentos com estimulação hormonal. Mas, para ela, o que de fato a ajudou foi o tratamento diário com sessões de acupuntura. Gravidez de gêmeos não é fácil! A cantora engordou horrores e até hoje luta para voltar à boa forma.

A atriz Nicole Kidman teve sua filha Sunday Rose aos 40 anos. O crédito, segunda ela, vai para a água de Kununurra, na Austrália, que tem uma composição que ajuda na fertilidade. Aos 43, optou por uma barriga de aluguel para a sua segunda filha, Faith Margareth. O nome Margareth foi uma homenagem da australiana à sua avó, que teve um filho aos 49 anos.

Kelly Preston, atriz, casada com o ator John Travolta, decidiu transformar sua dor e luto em vida. Embora não assumam em público, o comentário na imprensa é de que o casal fez um tratamento de fertilidade. Aos 48 anos tornou-se mãe pela terceira vez. Guerreira.

A cantora canadense Celine Dion é outro exemplo de superação. Enfrentou seis fertilizações in vitro sem sucesso e um aborto. Persistente, conseguiu engravidar e teve seus gêmeos em 2010, aos 42 anos.

Mira Sorvino demorou para ter filhos, mas quando liberou,… foi total! A atriz teve quatros filhos na sequência. O último, nasceu este ano, com ela batendo na porta dos 45 anos.

Uma Thurman já tinha dois filhos, mas, com um novo casamento, decidiu ter mais um. Em julho deste ano, aos 42 anos, teve uma garotinha. Natureba e desencanada, levou a filha para um café com poucos dias de vida.

A eterna bonequinha de luxo, Audrey Hepburn, teve seu segundo filho, Luca Dotti, aos 40 anos, em 1970, com muito repouso e rígido monitoramento, pois tinha um histórico de abortos (1955 e 1959). Voltou a engravidar em 74, mas perdeu o bebê.

A cantora e ex-primeira dama da França, a italiana Carla Bruni, teve sua garotinha aos 43 anos. Bruni foi muito franca em dizer que não aguentava mais a gravidez, devido ao repouso imposto na reta final e a suspensão de bebida alcoólica e cigarro. Quando Giulia nasceu, ela enfrentou uma forte depressão, talvez potencializada pela derrota do seu marido para a reeleição do país.

A jornalista britânica da BBC, Kate Silverton, teve sua única filha aos 41 anos com a ajuda da… natureza. Mais uma que recorreu à fertilização in vitro após a avaliação médica de que, como havia extraído um ovário, dificilmente engravidaria. Foram dois anos de tratamento e tentativas sem sucesso. Abalados com tantos resultados negativos, decidiram parar o tratamento. Num belo dia,… ela descobriu que estava grávida!

A editora de moda, Nina Garcia, dedicou grande parte de sua vida à carreira. Quando viu, o relógio biológico estava dando as últimas baladas. Em 2007, aos 42 anos, e, em 2010, teve seus dois garotões.

Finalizo com a bela ex-modelo e empresária, Iman, mulher do cantor David Bowie, que deu à luz aos 45 anos. Para engravidar, ela tentou fertilização in vitro, sem sucesso. Daí, decidiu fazer um ritual de “fertilidade africana”, tomando emprestado o bebê de uma mulher e cuidando dele. Deu certo e, em 2000, Iman teve Alexandria Zahra.

Anúncios

»

  1. Mara, meu nome é Regina , tenho 50 anos, e tive minha filha aos 45 anos, não pensava em engravidar, mas o destino é dono de nossas vidas, e me deu minha Luz, que hoje esta fazendo 5 anos, minha gravidez foi excelente, transcorreu sem nenhum problema durante os 9 meses. Hoje em dia com a medicina tão evoluida, está muito mais fácil a mulher poder optar por ter seus filhos mais tarde, podendo viver sua vida pessoal e profissional com plenitude e somente depois, já com a estabilidade financeira e, principalmente, a emocional, equilibradas, criar seus filhos, que acredito, em muitos casos serão crianças muito mais equilibradas e conscientes de seus papeis na familia e sociedade.
    Abraços

    • Oi, Regina, tudo bem com vc?
      Fiquei emocionada com o seu depoimento. É realmente uma bênção torna-se mãe nessa faixa etária. Essas mães, me parece, ficam tão gratas pelo presente e honra, que dão ao mundo seres muito mais amados e compreensivos.
      Muito obrigada pelas suas palavras. São estimulantes para muitas mães! Pode ter certeza disso. 😉
      Um grande beijos para vc e sua filha,
      Mara

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s